INFORME FNP sobre as punições

Os trabalhadores já estão amparados pelos sindicatos. No caso das demissões e punições dos companheiros pertencentes ao Litoral Paulista, base da FNP (P-66 com 5 suspensões de 14 dias e P-67 com 6 demitidos), informamos que eles já foram contactados e contam com jurídico, assistente social e psicólogo. O fundo de greve irá sustentar salário e plano de saúde dos trabalhadores demitidos. Já foram contactados RH, representante dos trabalhadores no CA e diretores da empresa. O TST também foi comunicado por conta do descumprimento do acordo firmado. Foram feitas duas ações na justiça trabalhista: uma de reintegração e outra de dano moral coletivo.

Em todas as oportunidades que temos a direção da cia está sendo cobrada.

Para além disso, estamos realizando a campanha contra essas punições ilegais e desumanas. Estamos informando movimentos sociais, mídias e politicos de diferentes matizes. É fundamental a denúncia pública. A federação avalia formas de mobilização da força de trabalho como a criação de um manifesto, dentre outros; Certamente isso não ficará sem resposta. Estamos a todo momento avaliando novas medidas.

Assine a petição online e ajude na campanha:
https://bit.ly/mexeucomigo

Comente com o facebook
Compartilhe: