Terceirizados: dependentes perdem plano de saúde Terceirizados

Terceirizados: dependentes perdem plano de saúde

O Sindipetro-RJ recebeu uma denúncia de trabalhadores terceirizados de que os novos contratos não contemplam dependentes em planos de saúde e que a Petrobrás teria tirado tal exigência das licitações.

Com salários já extremamente rebaixados, muitos trabalhadores estão recebendo praticamente um salário mínimo e o beneficio saúde vinha sendo o principal atrativo para se manterem na Petrobrás. Ou seja, a busca da direção para legitimar a Petrobrás como uma empresa alinhada às práticas de mercado, tem significado condições cada vez mais aviltantes para os petroleiros terceirizados, além da retirada contínua de direitos dos petroleiros próprios.

O mercado e os atuais gestores da Petrobrás não se importam com a vida dos trabalhadores, tornando o “trabalhar na Petrobrás” cada vez mais aviltante e vexatório. A que ponto chegamos! A questão será pauta nas reuniões de Acompanhamento de ACT da FNP com a Petrobrás.

Versão do impresso Boletim LXXXIX

Comente com o facebook
Compartilhe:


Aumentar a fonte
Alto Contraste