Diretor da ANP entrega o cargo

Na quarta-feira (15), o diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone, entregou carta ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, informando que vai deixar o cargo antecipadamente. Seu mandato se encerraria em dezembro 2020. Oddone vai permanecer até o nome de seu substituto ser escolhido, segundo informa o jornal Estado de São Paulo.

Oddone foi um dos principais responsáveis em chancelar a entrega do patrimônio do Brasil ao organizar através da ANP os leilões de exploração e produção de petróleo e gás, em áreas do Pré-Sal. Foi ainda responsável pela criação de um regime de oferta permanente de áreas, fazendo ainda jus a sua fama de entreguista, aprontou recentemente estudos para que a área exploratória no litoral, passível de ser leiloada, ultrapasse o limite das 200 milhas.

Comente com o facebook
Compartilhe: