Campo de Búzios já produz 10% do Pré-Sal

Conforme o relatório da ANP, Boletim de Produção de Petróleo e Gás, de abril de 2019, as quatro plataformas (P-74, P-75, P-76 e P-77) que operam no Pré-Sal do Campo de Búzios, base de abrangência do Sindipeto-RJ, juntas já produzem mais de 204 mil de barris de óleo equivalente por dia (boe/d). Isso mostra que o campo já produz 10% da produção nacional em campos de petróleo no Pré-Sal

Vale lembrar que cada uma dessas plataformas citadas tem ca­pacidade para uma produção máxima de até 150 mil barris. Ou seja, futuramente a produção total do campo vai chegar a 600 mil barris.

Por conta da entrada em operação dessas plataformas, o Sindicato está sempre presente e cumpre seu papel acompanhando os embar­ques a partir do aeroporto de Cabo Frio-RJ, distribuindo informes e prestando apoio e esclarecimento para os petroleiros embarcados.

Fonte: ANP

Na verdade, não importa o aumento de produção da Petrobrás

O fato é que mesmo que a Petrobrás continue aumentando a produção de petróleo, a participação da empresa no total nacional pode cair para cerca de 50% até 2030 em relação à parcela atual de 74% e mais de 90% em apenas nove anos, segundo a ANP. O presidente da agência, Décio Oddone tem dado declarações “entreguistas” de que outras empresas devem explorar e produzir no lugar da Petrobrás.

Comente com o facebook
Compartilhe: