Centro do Rio recebe 10ª Feira Estadual da Reforma Agrária

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Entre dias 10 e 12 de dezembro acontece, no Largo da Carioca, no Centro do Rio de Janeiro, a Feira Estadual da Reforma Agrária Cícero Guedes, que neste ano completa sua 10ª edição. A expectativa é que sejam comercializadas mais de 150 toneladas de alimentos agroecológicos durante os três dias do evento, que promete ser ainda maior que os anos anteriores. Desde o ano de 2009, o evento é realizado no Largo da Carioca.

Os alimentos in natura e produtos da agroindústria vem de cooperativas, associações e grupos coletivos de trabalho dos assentamentos e acampamentos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) de diversas regiões de dentro e fora do estado.

Cada acampamento ou assentamento do MST tem sua própria coordenação responsável pela lista de produção, balanço das quantidades e preços. Ainda segundo Leo, os coletivos se articulam de maneira independente para levar os alimentos até as feiras menores e mais próximas. Mas para um grande evento de comercialização, como se consolidou a Feira Cícero Guedes, é preciso organização coletiva.

Os assentados trabalham de maneira diversificada na terra, o que constrói uma enorme diversidade de produtos. Entre eles,  hortaliças, legumes, batata-doce, doce, milho, queijos, ovos, pães, bolos, artesanato, fitoterápicos e frutíferas em geral.

Atualmente a região tem algumas frentes de entrega de produção, como as Cestas da Reforma Agrária em parceria com o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação Núcleo de Volta Redonda (SEPE), Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) e o Espaço de Comercialização Terra Crioula, na Lapa, no Rio de Janeiro. Além de fazer entregas para o Armazém do Campo e a Rede Ecológica também na cidade do Rio.

 

Destaques