Incêndio na REVAP

Em pleno período de parada de manutenção, engrossando as estatísticas de sinistros no sistema Petrobrás, a REVAP experimentou dois eventos preocupantes nos últimos dias. Nesta sexta (27), ocorreu um vazamento de GOR (Gasóleo Residual de Vácuo) armazenado em um tanque de RV (resíduo de destilação a vácuo), TQ 42302, decorrente da explosão do teto do equipamento. Suspeita-se que um descarte de água para o tanque tenha provocado a explosão.

O produto derramado foi contido no dique e na canaleta e estava sob gestão. No entanto, neste domingo (29) um incêndio atingiu o produto retido no dique e canaleta causando mais um sinistro na Unidade. Há uma versão dos fatos que atribui à vegetação próxima a via de propagação do fogo. Outra versão atribui aos tanques nas vizinhanças. O tanque TQ42301, também de RV, foi envolvido no acidente.

A princípio o incêndio foi debelado e não houve vítimas. O Sindipetro-SJC investiga as causas do sinistro.

Comente com o facebook
Compartilhe: