Praça da Sé será ocupada contra reforma da Previdência

Dois ônibus sairão do Sin­dipetro-RJ rumo ao cen­tro de São Paulo onde tra­balhadores irão deliberar sobre as próximas ações de resistência para barrar as propostas do governo Bol­sonaro que acabam com o direito à aposentadoria.

Em defesa da aposentadoria e da Previdência Social, amanhã, quarta-feira, 20/02, a partir das 10h, na Praça da Sé, no centro de São Paulo, acontecerá a Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora, para definir um plano de lutas con­tra a proposta de reforma da Previ­dência.

O movimento vem sendo orga­nizado de forma unitária pelas cen­trais sindicais CSP-Conlutas , CUT, Força Sindical, CTB, Intersindical, Nova Central, CGTB e CSB, em todo o país. No Rio, o Fórum de Lutas, realizado na sede do Sindipetro-RJ, na terça-feira (12 ), reuniu repre­sentantes de aproximadamente 30 entidades sindicais e dos movimen­tos sociais.

As propostas sinalizadas pela equipe econômica do governo, como a capitalização da Previdên­cia e a obrigatoriedade de idade mínima para o trabalhador se apo­sentar praticamente acabam com o direito à aposentadoria de milhões de pessoas.

Além da Assembleia Nacional na Praça da Sé, no centro da capital paulista, ocorrerão ações descen­tralizadas, como atos, assembleias, panfletagens e diálogo com a base. No Rio a concentração será às 15h, no Boulevard Carioca, esquina com a Av. Rio Branco.

Versão do impresso Boletim CIX

Comente com o facebook
Compartilhe: