Petroleiros do Rio aprovam adesão à Greve Geral desta sexta (30)

Assembleias Greve Geral

A categoria petroleira aprovou a participação na greve geral que acontece nesta sexta (30) em todo o país. A possibilidade de aprovação das reformas que retiram direitos conquistados há muito tempo pelos trabalhadores e os retrocessos políticos e sociais impostos pelo governo aumentaram a indignação dos trabalhadores.

Na Petrobras não faltam motivos para parar: a privatização fatiada da empresa, a redução do efetivo em todos os setores, o sucateamento das condições de trabalho que colocam em risco a vida do trabalhador, assédio moral, perseguições… Parar neste dia nacional de greve geral mostra ao governo e à empresa que não aceitamos mais estas condições e que os trabalhadores dizem mais uma vez que basta de tanto autoritarismo e opressão.

Manifestação meio dia no Edisen e ato unificado 17h na Candelária!

 

Contra as reformas! Contra a terceirização!  Fora Temer! Fora Pezão!

Comente com o facebook
Compartilhe:
Sem comentários

Poste um comentário

Aumentar a fonte
Alto Contraste