A desfaçatez da gestão da Petrobrás

Da redação

Em comunicado interno gestores fazem piadas com os petroleiros

Nesta terça (04/08), trabalhadores lotados no CENPES receberam e-mail corporativo sobre acesso ao Complexo CENPES-CIPD, pois, de acordo com o comunicado, “de forma voluntária e previamente negociada com o gestor imediato, alguns colaboradores estão tendo a opção de realizar trabalhos presenciais nas instalações do Complexo”.

No elenco das dicas colocadas para prevenção contra o coronavírus, uma delas chamou atenção:
“Caso você utilize o transporte coletivo do CENPES (ônibus), mantenha distanciamento mínimo de 1,5 m em relação às outras pessoas na fila de embarque, sempre utilizando máscara. Ao entrar no ônibus, sente-se em poltronas alternadas, de forma a não ficar ao lado de outro passageiro. Não se esqueça do cinto de segurança”.

Ônibus do CENPES? Que ônibus? Parece até piada!

Progressivamente o serviço de transporte coletivo do CENPES tem sido deteriorado, com extinção de linhas inteiras e/ou adoção de vans em substituição, conforme o Sindipetro-RJ vem denunciando:

24/07/2019 É para assinar! Abaixo-assinado contra a precarização do transporte no CENPES https://www.sindipetro.org.br/e-para-assinar-abaixo-assinado-contra-a-precarizacao-do-transporte-no-cenpes/

Transporte no CENPES: economia nos contratos e insegurança para os trabalhadores https://www.sindipetro.org.br/transporte-no-cenpes-economia-nos-contratos-e-inseguranca-para-os-trabalhadores/

 Compartilhado insiste em atacar o transporte no CENPES https://www.sindipetro.org.br/compartilhado-insiste-em-atacar-o-transporte-no-cenpes/

 Com isso, o número de acidentes de percurso aumentou consideravelmente, conforme a CIPA já apontou por diversas vezes, assim como os riscos à segurança dos trabalhadores, pois a Ilha do Fundão é palco de tiroteios e muitos assaltos.

Da mesma forma, o fretamento de veículos para atender o pessoal de turno e outras demandas de transporte tem sido substituído por táxis, enquanto as condições de trabalho dos motoristas que restaram no fretamento, como é o caso da VIX, só se degrada.

A desfaçatez da gestão da Petrobrás é tanta que parece piada, não fosse trágica a realidade.

Comente com o facebook
Compartilhe: